Notícia

Educação

terça-feira, 24 de outubro de 2017
Dicas para a reta final de preparação para Enem e vestibular
Chegou a época do ano em que os estudantes precisam mostrar que valeu o esforço. É a temporada do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e dos vestibulares, que vai definir o futuro de quem estudou desde o início do ano para garantir um lugar em uma universidade a partir de 2018. Nesta reta final, é importante manter uma rotina de estudos, mas sem se descuidar de alguns aspectos: descanso e atividades físicas podem fazer a diferença na hora da prova.

Principal porta de acesso a instituições de ensino superior, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) tem características próprias e terá mudanças neste ano. O Enem será realizado nos dias 5 e 12 de novembro e é o principal meio de acessar programas como o Sisu (Sistema de Seleção Unificada), o ProUni (Programa Universidade para Todos), o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e o Pronatec (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego).

Neste ano, o Enem será realizado em dois domingos consecutivos e a redação será no primeiro dia de provas. Serão quatro provas, com 45 questões cada. Na redação, o candidato deverá produzir um texto a partir de uma situação-problema (política, social ou cultural), de no máximo 30 linhas.

A principal dica do professor Marlus Geronasso, coordenador do Pré-Enem, curso preparatório gratuito oferecido pelo Centro Universitário Internacional Uninter, é para o candidato priorizar a redação. “A redação é a única prova eliminatória. Se o candidato não conseguir 500 pontos, não tem mais possibilidade de uma vaga pelo Sisu”, afirma. “A sugestão é sempre começar pelo texto. Eu faria pelo menos três redações por semana”. Outra sugestão é consultar a prova de Ciências Humanas antes de começar o rascunho da redação.
Para o Enem, Geronasso avalia que as revisões de conteúdo não têm tanta importância. “Não adianta querer revisar nada. Em outros concursos, sempre dizem que a prova de Matemática é a mais difícil, isso não acontece no Enem. As piores notas desde 2009 são da área de linguagem, a prova é longa e exige interpretação”. O professor recomenda ainda que os candidatos priorizem as questões mais fáceis. “O Enem usa a metodologia da Teoria de Resposta ao Item, por isso é fundamental que o candidato acerte as fáceis para garantir uma boa pontuação. As questões que não podem ser perdidas têm nota maior”, diz.

Vestibular: não estude em excesso e fique atento aos conhecimento gerais


Dicas para fazer a prova

Tenha foco
Aproveite a nova composição das provas para focar nas matérias que serão pedidas. Primeiro serão aplicadas as questões de Linguagens, Ciências Humanas e a Redação, com 5h30 de duração; no segundo domingo, dia 12, serão aplicadas as provas de Matemática e Ciências da Natureza, com 4h30 de duração. Os estudantes terão o espaço de uma semana para estudar.

Comece pela redação
A dica é começar pela redação, pois ela é eliminatória e tem um grande peso na nota do Enem.

Leia a prova antes
Antes de fazer a redação, o indicado é ler as questões de Ciências Humanas, pois dependendo do tema, o aluno pode encontrar inspiração e ideias nos próprios enunciados.

Vá nas mais fáceis
Priorieze as questões fáceis. O Enem usa a metodologia da Teoria de Resposta ao Item, por isso é fundamental que o candidato acerte as fáceis para garantir uma boa pontuação.

Dê um tempo
Depois de responder entre 20 e 30 exercícios, é interessante dar um intervalo, ir ao banheiro, lavar o rosto. Isso vai melhorar a circulação sanguínea e impedir que o rendimento caia.
Fonte: Portal Dois Vizinhos/Assessoria
 
Facebook Twitter Google Plus WhatsApp

ACIMA - Associação Comercial e Empresarial de Matinhos
Av. Curitiba, 485 - Bom Retiro
83260-000 - Matinhos - PR

(41) 3453-2345

Siga-nos

© 2016 ACIMA - Associação Comercial e Empresarial de Matinhos - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Grupo Mar Virtual